SAMBA CHULA UNIãO TEODORENSE
Teodoro Sampaio
t.sampaioasseba@gmail.com
(75) 32372309

O samba da União Teodorense transmite a autenticidade e simplicidade que se preservou entre os mais velhos de uma comunidade negra, chamada Areia. O grupo se apresenta com instrumentos muito particulares: o tambor de marcação e o repique são artesanais feitos de tubo grosso de PVC e o reco-reco é um ferro antigo com uma mola de metal amarrado. Ainda se usa um cavaquinho, um triângulo, um prato de esmalte e alguns pandeiros. O grupo canta em duplas a chula tradicional que se responde com um relativo improvisado por uma dupla de homens e acompanhado pelo coro das mulheres que sambam uma após outra passando primeiro por todos os instrumentos reverenciando os tocadores antes de sambar no meio da roda. 

 

Listar todos associados

créditos - login