FILHOS DE SãO GONçALO
São Gonçalo dos Campos
(75) 3241-5126
(75) 8132-1180

O grupo foi fundado pelos sambadores José Roque e seu pai S. Geraldo dos Santos no município de São Gonçalo dos Campos, na região do Recôncavo baiano. O Samba Filhos de São Gonçalo é um dos representantes culturais da cidade.

Fundado em 2007 na Fazenda Cedro, é constituído por 8 tocadores com idades entre 30 e 43 anos de idade. O mais velho do grupo era o pandeirista S. Geraldo que faleceu no ano de 2009 com 67 anos de idade. Os tocadores utilizam dos seguintes instrumentos: timbal, "105”, pandeiro, triângulo, tamborim e chuá. O repertório do grupo é constituído por cantigas populares de Samba de Roda e algumas de composição do coordenador Roque cantada pelo puxador do grupo.

Durante um momento de reunião familiar, em um almoço feito com panelas de barro, foi criada uma letra de samba de roda:

 

Eu tinha uma panela de barro

Foi meu amor que me deu

Eu joguei uma pedra nela

A casa caiu e coro comeu


A casa caiu o coro comeu

E a casa caiu o coro comeu

 


A idéia de constituição do grupo se deu quando S. Geraldo e seu filho Roque plantavam na roça. Em um dos instantes de brincadeira e cantos do samba de roda, Roque propôs ao pai a formação de um grupo, daí buscaram tocadores, reuniram e organizaram os ensaios, colocaram o nome da cidade fazendo referência a procedência do grupo e hoje tem se apresentado no próprio município e em cidades próximas de São Gonçalo, como Conceição do Jacuípe e Conceição da Feira.

Roque aprendeu o samba de roda com o pai em sambas de caruru, quando tocava com tambores feitos de couro, no grupo tem tocado timbal, e além das atividades do Samba é vendedor autônomo. O "Filhos de São Gonçalo” é mantido pelo atual coordenador, que mesmo com algumas dificuldades e necessidades, tem o objetivo de preservar a manifestação.

 

Listar todos associados

créditos - login