Com apenas cinco anos de existência, a ASSEBA tem história suficiente para atestar que sabe cumprir a sua missão. São muitas atividades voltadas para o fortalecimento do Samba na Bahia. As ações são as mais diversas, mas convergem para o o objetivo de preservar, valorizar e revitalizar todas as formas e tradições do Samba de Roda, incluindo o fortalecimento, a consolidação e a autonomia profissional dos participantes da própria Associação.

Com sua estrutura de trabalho criada, uma série de ações, articulações e parcerias importantes puderam acontecer. Conheça algumas outras iniciativas criadas pela ASSEBA ou que tiveram a marca da sua participação:
  • Criação de instrumentos e projetos formais para disponibilização de recursos financeiros, profissionais, infra-estrutura e logística, visando o desenvolvimento de projetos da ASSEBA e de suas parceiras;

  • Participação dos grupos de samba de roda no Carnaval 2007 de Salvador / BA – que teve como homenageado do ano o samba - em parceira com o projeto Pelourinho Dia e Noite, que é gerido pelo Governo do Estado da Bahia;

  • Ter sido tema dos festejos de aniversário de Salvador em 2006, através do projeto "Viva Salvador 457 anos”, com a participação de 24 grupos de samba de roda, sendo 12 deles da capital e 12 do interior do estado;

  • Realização da oficina de confecção de Viola Machete, em 2005, na cidade de São Francisco do Conde, para a transmissão do saber do Mestre Zé de Lelinha (José Vitório dos Reis, 80 anos). Foram fabricadas cinco novas violas, invertendo o processo de extinção desse instrumento típico do samba chula, com a participação de doze jovens da localidade;

  • Lançamento do CD Samba de Roda Patrimônio da Humanidade, em parceria com a Amafro, sendo fruto de uma das ações previstas pelo IPHAN para o auxílio à continuidade desta forma de expressão;

  • Criação de um vídeo documentário, em fase de finalização, do documentarista Bruno Safira, sobre o samba de roda e seus mestres. 

  • Projeto: Casa do Samba na Festa da Purificação; 

  • Projeto: Quinzena do Samba; 

  • Participação na Festa da Lavadeira- Recife; 

  • Convênio com a Fundação Cultural do Estado da Bahia, que proporcionou um intercâmbio com a Escola de Música da Guiana Francesa- Caiene; 

  • Participação na Festa Lavadeira – Recife; 

  • Participação na Festa: Bembé do Mercado que culminou com a palestra do Professor Ubiratan Castro e o Professor Nelson Elias discutindo o tema: 120 anos da Abolição da Escravatura; 

  • Encontro dos Mestres de Samba de Roda em Cachoeira-2008; 

  • Aniversário da Barquinha (Bom Jesus); 

  • Projeto Águas de Sabedoria, realizado pelo CEFET (Centro Federal de Educação Tecnológica), com o objetivo de discutir o tema: Pluralidade Ética e Cultural na Educação; 

  • Parceria com o Teatro Dona Canô; 

  • Realização de oficinas de Teatro e Capoeira. 

  • Criação do site sobre o Samba de Roda, em fase de construção. 

  • Exposição "O Ritmo em Imagens”, com fotografias sobre o Samba de Roda na CAIXA Cultural de Salvador. 

  • Projeto Circuito do Samba em parceria com a FUNCEB (Fundação Cultural do Estado da Bahia); 

  • Encontro e recepção dos Superintendentes do IPHAN de todo o Brasil na Casa do Samba; 

  • Parceria com a Prefeitura Municipal de Santo Amaro para a capacitação dos professores;

  • Participação na 6ª Bienal de Cultura da Une através de uma mesa redonda com a discussão do tema: "Samba, Semba e suas vertentes”.
créditos - login