Núcleo de Artes Afro completa cinco anos
Publicada em 28-05-2012

Em comemoração ao quinto aniversário, o Núcleo de Extensão e Cultura em Artes Afro Brasileiras da USP promoveu os Encontros de Artes Afro Brasileiras – Tradições Orais e Artes Corporais de 23 a 25 de maio. Os três dias de mesas redondas tiveram a participação de convidados da ASSEBA (Associação de Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia), que farão debates teóricos e atividades artístico-corporais com entrada gratuita para o público.

De acordo com Thiago Mendes e Eliany Furnari, da comissão organizadora, a ideia do evento é suprir uma carência da USP no que diz respeito a espaços de pesquisas que associem sua produção a temáticas afro-brasileiras."Na oralidade e no aprendizado corporal, conseguimos entender o que significa ‘ancestralidade’, essencial para nossa identidade e história. Neste sentido, a visão de mundo, tempo e espaço de origem africana tem um enorme peso na Educação”, Mendes diz.

 

Além de contemplar o aniversário do Núcleo, o evento abre um ciclo de comemorações que inclui 15 anos de ensino e pesquisa na USP – trabalho iniciado em 1997, com a formação do grupo de capoeira Angola Guerreiros de Senzala. "Queremos fazer do Núcleo um local de referência dentro da universidade para pesquisa e debates que aliam experiência corporal à produção de conhecimento por meio de suas atividades artístico-corporais”.

 

Serviço

Encontros de Artes Afro Brasileiras – Tradições Orais e Artes Corporais

Data e horário: 23, 24 e 25 de maio de 2012, das 18h às 20h, entrada gratuita

Local: Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, travessa 5 – Bloco 28

 

Texto adaptado. Publicado originalmente por Melissa Myeko em http://www.jornaldocampus.usp.br/

Fonte: Jornal do Campus/USP
créditos - login