II Mostra do Samba de Roda - melhores momentos
Publicada em 23-08-2012

Como esperado, a II Mostra do Samba de Roda do Recôncavo Baiano movimentou muito mais do que as mãos e os pés dos sambadores e sambadeiras baianos. Realizada pela ASSEBA, entre os dias 16 e 19 de agosto de 2012, a Mostra reuniu oficinas, seminários e quatro noites de shows com apresentação de 12 grupos de samba de roda, o coco da Paraíba, o Carimbó do Pará e o Jongo do Sudeste.

Selecionamos alguns dos melhores momentos das discussões realizadas durante a Mostra e muitas imagens para guardar e compartilhar.Clique nos links abaixo para ler os textos na íntegra.

A memória é de quem e para quê?
Tem diversas formas de lidar a memória: guardando ela como um passado congelado ou fazendo uma relação do passado-presente. Deixamos de ser sujeitos passivos para ser o sujeito que vai agir e não vai mais contemplar essa memória como algo morto e perdido.

Cultura Popular sustenta a sociedade
A caravana da II Mostra do Samba de Roda chega, sem desânimo, à sua última parada: Irará, domingo, 19/8. O dia começou com oficinas de dança e música, na Comunidade Quilombo da Olaria. Com a participação do grupo de Carimbó Tio Milico (Pará), do grupo de Coco de Roda de Novo Quilombo a oficina foi encerrada em clima de confraternização.

Cultura Popular não é mercadoria
A programação da II Mostra do Samba de Roda do Recôncavo Baiano segue seu itinerário e chega até Maragojipe, movimentando um público diverso. Hoje (18/8) pela manhã foi realizado no Auditório da Secretaria de Cultura em Maragojipe, Bahia, o Seminário Produção Cultural com Culturas Populares.

O samba não pára. Se você não conseguiu acompanhar essa caravana, siga a gente e não perca a próxima --> http://www.facebook.com/asseba.matriz e Twitter: @casadosamba


Fonte: asscom/asseba
créditos - login