Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano
Publicada em 09-04-2015



O Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano tem abertura dia 18 de abril (sábado), em Saubara, Bahia. A festa começa às 14h, com uma Roda de Conversa entre Sambadores e convidados, na Sede da Chegança dos Marujos Fragata Brasileira (R. Boca da Mata, 1). Nesse momento, os sambadores e sambadeiras atendem o público e dão mostras de toques e danças do samba de roda baiano.

Em seguida, às 15h, os grupos Samba das Raparigas, Samba de Vovô Pedro (Saubara), Samba Filhos da Barragem, Samba Capim de Cela (Cachoeira) e Samba Chula de São Braz (Santo Amaro) se apresentam na Praça 13 de junho. A programação é gratuita e aberta ao público.

O Circuito segue até julho e prevê a circulação de grupos de samba em mais três localidades - Santiago do Iguape, Acupe, Cruz das Almas. Os mais de 20 grupos de samba que participam do Circuito compõem uma mostra dos diversos ritmos do samba de roda: a chula, o samba corrido, o de caboclo, de desafio, dentre outros.

 O Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano em 2015 é parte do conjunto de atividades que festejam os 10 anos de conquista do título conferido pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) de "Obra-Prima do Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade”.

 É realizado com patrocínio do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia”, por meio do Edital 08/2013 - Territórios Culturais e parceria da Associação de Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia, Rede do Samba de Roda e Associação Chegança dos Marujos Fragata Brasileira.

Histórico - A primeira edição do Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano aconteceu em 2008. Mais de 30 grupos percorreram nove cidades baianas: Irará, Saubara, Santo Amaro, Terra Nova, Vera Cruz, Maracangalha, São Sebastião do Passe, Conceição da Almeida e Antônio Cardoso. Foram realizadas Assembleias e apresentações dos grupos locais, em um processo crescente de mobilização.

Saubara, a primeira anfitriã do Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano, em 2015, é um reconhecido celeiro de manifestações culturais. As festas de julho, as Cheganças, a renda, o artesanato em palha, o dendê... Surpreende também pelas belezas naturais. Fica próxima à foz do Rio Paraguaçu, em uma região que reúne praias de areias alvíssimas, falésias, áreas de manguezais e de Mata Atlântica com rios e cascatas. Seu nome tem origem indígena. Vem de "Sauvara", que, por sua vez, vem da palavra saúva, as formigas predominantes na cidade. Por ser colonizada por espanhóis, sofreu a variação para Saubara, seu nome atual.

Contato para entrevistas e outras informações: (75) 8178 1891 /(75) 9147 8507

ABERTURA DO CIRCUITO DO SAMBA DE RODA DO RECÔNCAVO BAIANO
Resumo da programação - GRATUITA - em Saubara, 18 de abril de 2015 (
sábado)

Data/hora

Atividade

Local

14h

Roda de conversa entre sambadores e convidados. Mostra de toques e danças

Sede da Chegança dos Marujos (R. Boca da Mata, 1, Centro)

15h

Apresentações públicas: Samba de Roda de Vovô Pedro e Samba de Roda das Raparigas (Saubara); Samba de Roda Filhos da Barragem e Samba de Roda Capim de Cela (Cachoeira); Samba Chula de São Braz (Santo Amaro)

Praça 13 de junho

 


créditos - login