Cruz das Almas recebe Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano
Publicada em 19-08-2015



A caravana do Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano, que está na estrada desde abril, promovendo intercâmbios entre sambadores em uma grande festa cheia de assunto, chega a Cruz das Almas. Os grupos Samba do Machucador e Samba de Enxada (Cruz das Almas) vão receber o Samba Filhos do Varre Estrada (São Félix), o Samba de Maragogó (Maragojipe) e o Samba do Caquende (Cachoeira). As apresentações acontecem na Praça Senador Temístocles, conhecida como Praça do Coreto (Cruz das Almas) no dia 22 de agosto (sábado), a partir das 10h.

Cada grupo toca um tipo de samba, utilizando diferentes instrumentos. A viola e o pandeiro estão na base do samba de roda. Mas também aparece a enxada, a tabuinha, o prato e o machucador de tempero, acrescentando uma especial sonoridade a alguns deles. Esses instrumentos, em geral, estão ligados à forma como o grupo se originou. No caso do machucador de temperos, são mulheres que perceberam que suas rotinas ao cozinhar "davam samba”.

O Circuito acontece desde 2008. Nos anos anteriores, mais de 30 grupos já percorreram nove cidades baianas. Em 2015 o Circuito teve abertura no dia 18 de abril, em Saubara, passou pelo Quilombo Kaonge, em Santiago do Iguape (distrito Cachoeira), pelo Acupe (distrito Santo Amaro). Esse ano, o Circuito teve a participação de 16 grupos de Samba e faz parte do conjunto de atividades que festejam os 10 anos de conquista do título de "Obra-Prima do Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade”. O evento em Cruz das Almas encerra essa edição.

 

O Circuito do Samba de Roda do Recôncavo Baiano é realizado com patrocínio do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia”, por meio do Edital 08/2013 - Territórios Culturais e parceria da Associação de Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia, Rede do Samba de Roda e Associação Chegança dos Marujos Fragata Brasileira. A edição de Cruz das Almas tem apoio da Prefeitura Municipal.

Cruz das Almas (a 146 km da capital) nasceu à margem da Estrada Real que, partindo de São Félix para sudoeste, dirigia-se ao Rio de Contas e seguia rumo a Minas Gerais e Goiás. A origem do nome é explicada pela existência de um grande cruzeiro fincado em uma encruzilhada, onde se faziam orações e que era ponto de referência como "a cruz das almas”. É hoje conhecido nacionalmente por promover, todos os anos, o São João. (fonte: http://bahia.com.br/cidades/cruz-das-almas/?submit=ir)

Contato para entrevistas e outras informações: (75) 8178 1891 /(75) 9147 8507

Resumo da programação - GRATUITA – em Cruz das Almas, dia 22 de agosto de 2015 (sábado)

Data/hora

Atividade

Local

10h

Apresentações públicas: Samba do Machucador e Samba de Enxada (Cruz das Almas) recebem o Samba Filhos do Varre Estrada (São Féliz) e o Samba de Maragogó (Maragojipe).

Praça Senador Temístocles, conhecida como Praça do Coreto (Cruz das Almas)


Fonte: Comunicação - ASSEBA
créditos - login