Mestras sambadeiras participam do evento “Dança, corpo e ancestralidade: Diálogo e pesquisa sobre dança tradicional e dança contemporânea"
Publicada em 12-11-2015

A mestra Maria Eunice, conhecida como Nicinha do Samba de Roda e Maculelê de Santo Amaro e a mestra Ana Olga, em representação também a Doutora Dalva Damiana, estiveram compondo o evento "Dança, corpo e ancestralidade: Diálogo e pesquisa sobre dança tradicional e dança contemporânea”. As sambadeiras integraram a mesa de debates sobre o tema "A realização de projetos de artes cênicas no campo da cultura tradicional e as possibilidades de cooperação internacional no contexto da produção artística do Recôncavo Baiano". Além das mestras participaram Joanna Lesnierowska da Plataforma de Danças Polonesas, Diretor do Campus Centro de Cultura, Linguagens e Tecnologias Aplicadas - Universidade Federal do Recôncavo Baiano, Professora Lia Lordelo da CECULT/UFRB e Maciej Rozalski, professor e coordenador do evento e Any Manuela Freitas (Associação dos Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia).

O evento ocorreu na UFRB em Santo Amaro. Os artistas de dança contemporânea participaram de oficinas no Centro de Referência do Samba de Roda com D. Nicinha e na Casa do Samba de Roda de Dona Dalva com D. Ana. Interagiram ainda com sambadores nas localidades de Acupe e de Saubara.

O evento conta ainda com Workshops e apresentação do Samba de Roda de Dona Nicinha às 19h na Casa do Samba em Santo Amaro.



Foto: Paulo Roberto Souza



Foto: Any Manuela Freitas


Fonte: Coordenação de Comunicação - ASSEBA
créditos - login