Mestre Pedro Joaquim é homenageado pela Casa do Samba em Teodoro Sampaio
Publicada em 11-08-2011

A Associação dos Sambadores e Sambadeiras de Teodoro Sampaio vai inaugurar a Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim (Av. Castelo Branco - Antiga Escolinha Ana Maria), no dia 13 de agosto (sábado), às 15h. As Casas de Samba compõem a Rede do Samba de Roda da Bahia e estão sendo criadas ou fortalecidas em 14 cidades do Recôncavo Baiano.

 

O evento terá a presença de membros da ASSEBA, autoridades locais, sambadores e sambadeiras de outras cidades e representantes de grupos culturais. Para encerrar, o Samba Chula União Teodorense assume a coordenação da festa.

 

O fortalecimento da Rede do Samba de Roda da Bahia tornou-se possível através do Projeto Pontão do Samba, coordenado pela Associação dos Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia (ASSEBA). O projeto, parte do plano de salvaguarda do samba de roda, conta com as parcerias do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e da Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural (SCDC)/Programa Cultura Viva/Ministério da Cultura.

 

Homenagem: O nome da casa homenageia Pedro Joaquim Suêlo (1925 -1987), considerado um mestre do samba de roda. "O samba de Pedro Joaquim” se distinguia dos outros sambas de roda na região. Ele era analfabeto e dono de sabedoria incontestável. Construía instrumentos e compunha letras e músicas, cantados hoje em dia. Rezava olhado, erisipela, mordida de cobra e engasgo. Usava as fases da lua para a plantação e gostava de chamar o facão de cortar cana e a enxada de "ganha pão”.

 

Deixou impregnado na família o gosto pelo samba de roda. Duas filhas são participantes da Associação de Samba. Um dos netos herdou o dom de tocar (percussão). E uma neta é responsável por articular os grupos locais para o fortalecimento da Rede do Samba de Roda, um dos principais trabalhos da Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim.

 

A ASSEBA funciona na Casa do Samba de Santo Amaro, instalada no Solar Subaé, antiga mansão do Século 19 que foi totalmente restaurada, em Santo Amaro/BA. Surgiu em 17 de abril de 2005, a partir desse movimento deflagrado pelos grupos de samba de roda do Recôncavo Baiano. Hoje conta com quase 100 grupos de samba associados e envolve aproximadamente três mil pessoas em suas atividades. O movimento ganhou corpo, estimulado por uma série de pesquisas realizadas pelo Instituto do Patrimônio Historio Artístico Nacional (IPHAN) para constituição do dossiê sobre o samba de roda.

 

PROGRAMAÇÃO:

 

15h: Abertura - Beribasamba

15h15: Composição de mesa

15h45: Apresentação das atividades da Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim

16h: Roda de Samba com Samba Chula União Teodorense

\n AGENDA PRÓXIMAS INAUGURAÇÕES:

\n 12 de Agosto - Casa do Samba Mestre Raimundo\n Av. São Sebastião, Nº 103, Centro\n São Sebastião do Passé\n \n

14 de Agosto - Casa do Samba de Roda Dona Dalva\n Rua Ana Néri, Nº 19, Centro\n Cachoeira\n \n 14 de Agosto - Casa do Samba Mestre Domingos Saul\n Rua Teodoro Sampaio, S/N- Centro\n Conceição do Jacuípe\n \n 14 de Agosto - Casa do Samba de Roda Dona Dalva\n Rua Ana Néri, Nº 19, Centro\n Cachoeira

 

 

20 de Agosto - Casa do Samba Mestre Celino\n Rua Flávio Godofredo Pacheco Pereira, Nº 27- Centro\n Terra Nova\n \n 21 de Agosto - Casa do Samba Dr. Deraldo Portela\n Rua Coronel Eupidio Nogueira S/N- Centro\n Irará\n \n Salvador e Simões Filho também terão Casas do Samba, mas ainda não confirmaram data de inauguração.

 

Serviço:

 

O quê: Inauguração da Casa do Samba Mestre José Pedro Joaquim

Dia: 13 de agosto de 2011

Hora: 15h

Local: Casa do Samba Mestre José Pedro Joaquim - Av. Castelo Branco (Antiga Escolinha Ana Maria – Ba)\n r$: Gratuito

 

\n Mais informações:

 

Projeto Rede do Samba: \n Luciana Barreto/Asseba: 75 3241-5126 / 75 9147 8507 / 75 8178 1891 / www.asseba.com.br\n \n

Assessoria de Comunicação:

Scheilla Gumes (DRT/BA-2204) – 71 8786 3828/scheilla.gumes@gmail.com| Gota Serena Com e Cultura

 

 

A Associação dos Sambadores e Sambadeiras de Teodoro Sampaio vai inaugurar a Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim (Av. Castelo Branco - Antiga Escolinha Ana Maria), no dia 13 de agosto (sábado), às 15h. As Casas de Samba compõem a Rede do Samba de Roda da Bahia e estão sendo criadas ou fortalecidas em 14 cidades do Recôncavo Baiano.

O evento terá a presença de membros da ASSEBA, autoridades locais, sambadores e sambadeiras de outras cidades e representantes de grupos culturais. Para encerrar, o Samba Chula União Teodorense assume a coordenação da festa.

O fortalecimento da Rede do Samba de Roda da Bahia tornou-se possível através do Projeto Pontão do Samba, coordenado pela Associação dos Sambadores e Sambadeiras do Estado da Bahia (ASSEBA). O projeto, parte do plano de salvaguarda do samba de roda, conta com as parcerias do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN ) e da Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural (SCDC)/Programa Cultura Viva/Ministério da Cultura.

Homenagem: Pedro Joaquim Suêlo (1925 -1987) é considerado um mestre do samba de roda. "O samba de Pedro Joaquim” se distinguia dos outros sambas de roda na região. Era analfabeto e dono de sabedoria incontestável. Construía instrumentos e compunha letras e músicas cantados hoje em dia. Rezava olhado, erizipela, mordida de cobra e engasgo. Usava as fases da lua para a plantação e gostava de chamar o facão de cortar cana e a enxada de "ganha pão”.

Deixou impregnado na família e na cidade o gosto pelo samba de roda. Duas filhas são participantes da Associação de Samba. Um dos netos herdou o dom de tocar (percussão). E uma neta, também amante do samba, realiza uma importante função que é a de articular o trabalho da a Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim.

A ASSEBA funciona na Casa do Samba de Santo Amaro, instalada no Solar Subaé, antiga mansão do Século 19 que foi totalmente restaurada, em Santo Amaro/BA. Surgiu em 17 de abril de 2005, a partir desse movimento deflagrado pelos grupos de samba de roda do Recôncavo Baiano. Hoje conta com quase 100 grupos de samba associados e envolve aproximadamente três mil pessoas em suas atividades. O movimento ganhou corpo, estimulado por uma série de pesquisas realizadas pelo Instituto do Patrimônio Historio Artístico Nacional (IPHAN) para constituição do dossiê sobre o samba de roda.

PROGRAMAÇÃO:

15h Abertura - Beribasamba

15h15: Composição de mesa

15h45: Apresentação das atividades da Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim

16h: Roda de Samba com Samba Chula União Teodorense

AGENDA PRÓXIMAS INAUGURAÇÕES:

12 de Agosto - Casa do Samba Mestre Raimundo\n Av. São Sebastião, Nº 103, Centro\n São Sebastião do Passé\n \n 13 de Agosto - Casa do Samba Mestre Pedro Joaquim\n Av. Castelo Branco S/N- Centro\n Teodoro Sampaio\n \n 14 de Agosto - Casa do Samba Mestre Domingos Saul\n Rua Teodoro Sampaio, S/N- Centro\n Conceição Do Jacuípe\n \n 14 de Agosto - Casa do Samba de Roda Dona Dalva\n Rua Ana Néri, Nº 19, Centro\n Cachoeira\n \n 20 de Agosto - Casa do Samba Mestre Celino\n Rua Flávio Godofredo Pacheco Pereira, Nº 27- Centro\n Terra Nova\n \n 21 de Agosto - Casa do Samba   Dr. Deraldo Portela\n Rua Coronel Eupidio Nogueira S/N- Centro\n Irará\n \n Salvador e Simões Filho também terão Casas do Samba, mas ainda não confirmaram data de inauguração.

Serviço:

O quê: Inauguração da Casa do Samba Mestre José Pedro Joaquim

Dia: 13 de agosto de 2011

Hora: 15h

Local: Casa do Samba Mestre José Pedro Joaquim - Av. Castelo Branco (Antiga Escolinha Ana Maria – Ba)\n r$: Gratuito

 

\n Mais informações:

 

Projeto Rede do Samba: \n Luciana Barreto/Asseba: 75 3241-5126 / 75 9147 8507 / 75 8178 1891 / www.asseba.com.br\n \n

Assessoria de Comunicação:

Scheilla Gumes (DRT/BA-2204) – 71 8786 3828/scheilla.gumes@gmail.com| Gota Serena Com e Cultura

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: ascom/asseba
créditos - login